quarta-feira, 22 de junho de 2016

Instituições de ensino e empresas participam do lançamento do Prêmio IEL de Estágio

A solenidade de lançamento foi realizada nessa segunda-feira, 20 de junho, às 16 horas, no salão de convenções do Sistema Fiero com a presença de representantes das faculdades Faro e São Lucas, Ifro, Instituto de Educação Marise Castiel, Sindicato dos Servidores do Poder Legislativo de Rondônia (Sindler), Centro de Estudos Rio Terra, Rotary Club, Escritório de Advocacia Carlos Troncoso e Naza Tereza, do Instituto Laura Vicuña, dentre outros.

A superintendente do Sesi/RO, Elisabeth Urban e o superintendente Coorporativo da Fiero, Paulo César Figueiredo também marcaram presença.

Na abertura, o superintendente do IEL/RO, Edgar Teixeira deu as boas vindas em nome do presidente da Fiero, Marcelo Thomé, e falou que a função do prêmio é estimular o estágio e premiar as boas práticas.

O estágio é uma atividade voltada ao aprendizado complementar aos ensinamentos que os estudantes adquirem nas instituições de ensino.

Tem ainda a função ainda maior que é levar o conhecimento para dentro das empresas, não apenas as privadas, mas as organizações governamentais. “Isso se chama se chama inovação. Levar às empresas e órgãos o conhecimento gerado nas instituições de ensino é uma das funções do Instituto Euvaldo Lodi”, disse.

Segundo Teixeira a falta de experiência tem sido uma barreira para os jovens que buscam o primeiro emprego. “Neste contexto, o estágio é a porta de entrada para esta primeira oportunidade no mercado de trabalho.

Quando o estudante inicia o estágio e consegue demonstrar suas habilidades e competências, não há razão para o empresário buscar em outro lugar a pessoa que a empresa precisa.

O Prêmio estimula o estudante a fazer seu estágio bem feito, e o empresário o verá com um futuro colaborador, com isso conseguimos romper com esta dificuldade quando o jovem busca o primeiro emprego”, explicou.

A psicóloga do IEL/RO, Amanda Moura destacou os objetivos da instituição relacionados ao estágio. Desenvolver um programa de qualidade, de acordo com a legislação em vigor e normas/regulamentos de estágio das instituições de ensino; contribuir para que a prática seja efetivamente instrumento de aprendizagem, confirmação da escolha profissional, de descoberta de novos talentos e de formação de pessoas para o exercício de sua cidadania e para o mundo do trabalho; estimular a inovação nas empresas pelo estreitamento de sua relação com as instituições de ensino por meio do feedback dos estagiários e o aperfeiçoamento contínuo das grades curriculares das instituições de ensino.

As inscrições estarão abertas até 29 de julho e para validação da inscrição, os seguintes documentos serão necessários: termo de adesão; formulário de identificação; autorização de uso de imagem organizacional, inclusive na categoria estagiário destaque e autorização de uso de imagem pessoal em nome dos representantes das organizações e do estagiário participante. Serão premiados apenas os primeiros colocados nas categorias Empresa, Estagiário e Instituição de Ensino.

Os classificados nesta etapa serão divulgados em evento que o IEL/RO realiza em 19 de agosto.

A coordenadora do Setor de Estágio da Faculdade São Lucas, Solange Almeida ressaltou a importância do estágio na vida do acadêmico, pois é a oportunidade de colocar em prática o que aprendeu em sala de aula.

Para ela, o Prêmio IEL constitui um grande incentivo. Já a assessora de Convênios e estágio da Faculdade Faro, Tânia Mara o prêmio incentiva a empresa e o estagiário a inovar assim como é um estimulo para a instituição de ensino. “Hoje o estágio é um complemento ao aprendizado do aluno, uma forma de ele colocar a mão na massa na prática”, afirmou.

A empresa Advocacia Carlos Troncoso e Naza Pereira foi à vencedora na categoria Empresa Destaque na edição 2015 do Prêmio. O advogado Carlos Trancoso, ex-aluno do IEL, falou que a conquista significou o coroamento de uma política de valorização do ser humano adotada pela empresa.

Concorrendo este ano também, o advogado falou que o mais importante é compartilhar as experiências e ouvir o que tem dado certo em outras empresas e ao mesmo tempo dividir o que aprendeu com os demais. “A iniciativa do IEL é uma oportunidade para os jovens entusiasmados, com espírito de liderança, proativos na apresentação de novas propostas e ideias inovadoras”, finalizou Troncoso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário